Acompanhantes de Brasilia DF

Você está aqui: Blog > Cervejas especiais x comuns, você sabe a diferença no hora do encontro com a gata?


Cervejas especiais x comuns, você sabe a diferença no hora do encontro com a gata?

A ascensão quase afirmada do produto cerveja especial criou um fenômeno muito comum no Brasil. A fabricação na velocidade da luz de especialistas no assunto. Não podemos definir se é uma característica boa ou ruim da nossa sociedade, mas a verdade é que nos comportamos mesmo dessa forma. Mas o que isso traz de consequência prática? Bem, podemos falar sobre o aparecimento vertiginoso de novas marcas nacionais nesse segmento e uma, ainda mais impressionante, ampliação dos setores cervejeiros nos supermercados. Mas você sabe a diferença entre uma cerveja especial e um produto convencional? Pois bem, vamos entender. As cervejas comuns são as que são produzidas em larga escala e nem sempre respeitam a lei de pureza da cerveja que prevê, entre outras coisas, que o álcool seja resultado espontâneo da fermentação. Além disso, na hora de servir uma pra uma das gostosas de Brasília que você marcar, após ver o anúncio do site, você deve saber que cerveja pura é água, malte e lúpulo, a tão famosa puro malte!

Cervejas artesanais não levam conservantes

As cervejas artesanais não utilizam conservantes para aumentar a vida útil. Isso as torna mais perecíveis e inviabiliza a produção em larga escala, o que também é fator para determinar se a cerveja é especial ou não. No país convencionou-se a produzir a cerveja do tipo Pilsen, que é mais leve, menos alcoólica e muito mais refrescante. Mas é importante ressaltar que existem cervejas especiais do tipo Pilsen que em nada lembram as produzidas pelas cervejarias nacionais de produção em série. É importante lembrar que a seleção dos ingredientes é fundamental para a qualidade da cerveja. No Brasil é sabido que muitas marcas usam milho para a sua produção e vendem como se fosse cevada. Seria digno se revelassem e até cobrassem mais caro por isso. Mas não, empurra na nossa goela abaixo e nos fazem acreditar, ou tentam, que estamos bebendo puro malte. Ledo engano. Uma cerveja comum pode ser até muito boa, mas precisa respeitar o mínimo de qualidade para que tudo seja perfeito. Não adianta não cobrar o justo pelo líquido e acabar entregando um produto de péssima qualidade! Quem bebe sabe. A gata vai adorar!